Aprenda a fazer fitagem no cabelo com nossas 5 dicas incríveis

  • Nenhum comentário

A fitagem no cabelo é uma técnica de texturização que consiste na aplicação de um finalizador, em movimentos específicos, para modelar os cachos, diminuir o frizz e controlar o volume. Esses efeitos podem durar vários dias, dependendo do fio e dos cuidados posteriores.

Além disso, é importante salientar que a fitagem apenas uniformiza e define os cachos já existentes, ou seja, ela não muda a estrutura dos fios lisos ou alisados. Logo, a técnica é mais indicada para cabelos cacheados.

Desse modo, as mulheres em transição capilar não se beneficiarão muito desse procedimento, já que a parte alisada não cacheará. No máximo, ela ficará ondulada, sendo interessante somente para quem tem a raiz com essa mesma textura.

Se você deseja inovar o seu salão e levar para as suas clientes uma opção de cuidados para cabelos cacheados, siga com a leitura do post e aprenda a fazer a técnica de fitagem com estas 5 dicas!

1. Lave e hidrate os fios antes de iniciar a fitagem no cabelo

Lave os cabelos normalmente e, entre o shampoo e o condicionador, faça uma hidratação. Além do tratamento deixar o cabelo saudável, o resultado da fitagem ficará ainda mais bonito!

Ao final da lavagem, retire o excesso de água com uma toalha.

2. Realize a fitagem de baixo para cima da cabeça

Divida o cabelo em 5 seções e comece a fitagem pela parte de baixo, seguindo em direção ao topo da cabeça. Em cada mecha, aplique o finalizador e desembarace os fios com os dedos, do comprimento às pontas, em movimentos firmes.

Isso dividirá a mecha em partes menores, formando as fitas. Após isso, amasse-as com as mãos em direção à raiz.

3. Deixe o cabelo secar naturalmente ou seque-o com o difusor

Para finalizar a técnica, seque os cabelos. Para isso, utilize um secador ou deixe o processo ocorrer naturalmente — essa parte fica a critério da cliente.

Apesar de o modo natural ser mais demorado, ele é o preferido entre as cacheadas e evita os danos causados pelo secador. No entanto, para aquelas que têm pressa, essa ferramenta agiliza a secagem.

Nesse caso, é importante usar o difusor para que a definição dos cachos seja mantida.

4. Consiga 3 efeitos diferentes com a mesma técnica

Há 3 maneiras de formar as fitas que proporcionarão efeitos diferentes na fitagem. Confira-as a seguir:

Fitagem estruturada

Nesse método, cada mecha será subdividida em partes bem finas e a aplicação do finalizador será feita individualmente. Com isso, o cacho ganha mais estrutura e mais volume ao secar.

Embora o procedimento fique mais longo, o resultado é perfeito para quem ama volume e definição!

Fitagem desconstruída

Ela consiste em aplicar o finalizador em toda a mecha e desembaraçá-la com os dedos bem abertos para formar fitas mais finas do que as tradicionais. O resultado será um cabelo com cachos desconstruídos, volumosos e com um ar mais natural.

Fitagem babyliss

Para deixar o cabelo com jeito de quem acabou de fazer babyliss, basta enrolar cada fita formada com o dedo. Os cachos formados ficarão impecáveis e muito definidos. Por tal motivo, esse efeito não é indicado para cabelos pouco densos, já que esse modo de aplicação não dá volume.

5. Utilize finalizadores específicos para cabelos cacheados

O ideal é utilizar finalizadores próprios para cabelos cacheados, como creme para pentear, leave-in, ativador de cachos e gel.

Nesse momento, você pode recomendar algum produto à cliente, já que a sua experiência profissional será importante para um bom resultado.

Como você viu, a fitagem no cabelo valoriza o visual e permite que os cachos sejam controlados e modelados como quiser. Não é por acaso que esse método tem conquistado tantas mulheres com as madeixas encaracoladas!

Gostou dessa técnica? Para aprender outras e ficar por dentro de todas as novidades sobre cabelos, curta a nossa página no Facebook!