tirar o vermelho do cabelo

Como tirar o vermelho do cabelo? 4 dicas infalíveis!

  • Nenhum comentário

Quem tem salão vai reconhecer essa cena: a cliente entrou na farmácia decidida a mudar a cor dos cabelos, escolheu aquele vermelho lindo na embalagem e, sem nenhum preparo pré-coloração, tingiu os cabelos — e também não teve nenhum cuidado em usar produtos de qualidade após colorir. Não precisamos nem dizer que agora eles estão superdanificados, né? E o pior: como tirar o vermelho do cabelo?

É, parece que essa missão agora é sua! E é claro que nós vamos ajudar você a entender tudo o que precisa para salvar as madeixas e, claro, fidelizar a cliente. Afinal, tirar o vermelho do cabelo não é para qualquer um, é só para as experts!

Quer saber quais são as melhores técnicas? Continue lendo o post que, ao final, não haverá cor que dê medo!

Por que o vermelho é tão difícil de sair?

De fato, as tinturas pretas e vermelhas são as que mais demoram a sair dos fios e isso se deve ao pigmento utilizado nas tinturas: cada um tem uma formulação diferente, que interfere na cor e duração da tinta.

As cores escuras, como o preto, depositam muito pigmento nos fios, pois têm polímeros maiores, que aderem na fibra capilar. Com o vermelho acontece a mesma coisa: por se tratar de uma cor mais escura, possui mais pigmentação e penetra profundamente na fibra do fio.

Como tirar o vermelho do cabelo?

Pode parecer difícil, mas não é impossível! Seguindo essas dicas e investindo em produtos profissionais, a chance de acerto é enorme!

1. Use shampoo antirresíduos

O shampoo antirresíduos é diferente do shampoo normal, por isso, não deve ser usado com frequência. Como ele abre muito as cutículas do cabelo para remoção profunda de impurezas, utilizá-lo no cabelo da sua cliente pode ajudar a clarear a tinta.

Mas, lembre-se: por ter o efeito poderoso de abrir as escamas do cabelo, ele pode ressecar os fios. Por isso, faça uma hidratação intensiva depois da lavagem.

2. Experimente os removedores de cor

Muita gente ainda torce o nariz para essa opção, uma vez que alguns produtos têm a fama de danificar os cabelos. A boa notícia é que hoje já é possível encontrar excelentes removedores no mercado. O produto age apenas no pigmento artificial presente nos fios, ou seja, não interfere na cor natural do cabelo, apenas clareia.

A frequência de aplicações vai depender de vários fatores: tom atual da coloração, porosidade do fio e o que é esperado do resultado final. Dependendo do caso, uma única aplicação desse tipo de produto é o suficiente.

3. Utilize produtos neutralizantes

O processo de neutralização já é bem conhecido por quem trabalha com coloração e alisamentos. Quando colorimos o cabelo, o produto químico rompe as moléculas de proteção para que possam agir no córtex do fio. Isso causa a abertura das escamas do cabelo que não conseguem mais reter os aminoácidos necessários para a saúde capilar.

Ao utilizar o neutralizador em fios vermelhos, ele reconstrói as moléculas que foram danificadas, recuperando os estragos causados pela coloração.

4. Faça a decapagem dos fios

A decapagem nada mais é do que um processo de limpeza profunda, que elimina grande parte dos resíduos de pigmento da tinta e prepara o cabelo para receber uma nova coloração. O produto não danifica os fios, mas, para conseguir um clareamento de mais de um tom, deve ser misturado com um produto oxidante.

Todos os cabelos podem passar pelo processo de decapagem, mas é preciso ficar atenta à textura dos fios: se eles estiverem muito danificados, é melhor investir em uma boa hidratação antes do procedimento.

É claro que a técnica usada deverá ser escolhida de acordo com a sua avaliação, afinal, só uma profissional é capaz de atestar o estado do fio, a porosidade, textura e danos. Além do cuidado na avaliação, certifique-se sempre de usar produtos profissionais e de qualidade, afinal, sua cliente recorreu a você por esse motivo, não é?

Agora, conte para nós: já precisou tirar o vermelho do cabelo de alguma cliente? Se sim, qual técnica utilizou? Comente abaixo!