Como vender melhor os produtos de estética? Entenda aqui!

Quem procura alcançar a estabilidade financeira encontra na venda de produtos de estética a oportunidade perfeita para fazer sucesso no mercado e conquistar uma clientela fiel. Os dados não mentem: entre 2014 e 2019, o setor de estética cresceu 567% e já somava mais de 480 mil profissionais.

A diversidade de salões de beleza e clínicas de estética são terrenos férteis para profissionais que apostam na representação comercial e na venda de cosméticos profissionais.

Portanto, além de ter um público de clientes finais, ainda é possível abordar profissionais do ramo.

Para ter sucesso, no entanto, é preciso se planejar e fazer escolhas assertivas antes de investir dinheiro. Por isso, preparamos algumas dicas para você aumentar suas vendas de produtos de estética! Confira a seguir!

Escolha boas marcas para trabalhar

Sua primeira preocupação na hora de otimizar suas vendas deve ser a qualidade dos produtos que farão parte do seu portfólio. Por isso, é essencial avaliar a marca desses produtos e seus atributos no mercado. É preciso entender sobre:

  • a regulamentação de cada produto junto à ANVISA;
  • a aceitação dos produtos da marca no mercado;
  • a variedade de linhas de produtos disponíveis;
  • o tempo de atuação do fabricante no mercado;
  • a reputação da marca entre os clientes.

Reforce sua presença digital

A internet é um mar de oportunidades para empreendedores, sejam eles donos de grandes organizações, sejam profissionais independentes. Construir uma boa presença digital é essencial, já que a internet é a principal fonte de informação dos consumidores.

O mais atrativo disso tudo é que é possível construir uma boa presença digital de graça, por meio de redes sociais como o Facebook e o Instagram. Além de participar de grupos e fazer a propaganda de seus produtos, ainda é possível criar pequenas lojas dentro dessas mesmas redes sociais e otimizar a venda de cosméticos.

Esteja preparado para educar os clientes

Até poucas décadas atrás as pessoas nunca se deram conta sobre a composição de alguns produtos de estética e beleza. Depois de alguns escândalos envolvendo químicos como o formol, o público passou a ser mais exigente sobre a ação de alguns produtos.

Seja um Revendedor de CosméticosPowered by Rock Convert

Além disso, a tecnologia tem investido muito na evolução dos produtos de estética e isso tem gerado várias dúvidas nos consumidores.

Por isso, esteja preparado para responder a todas as dúvidas do seu público com autoridade e precisão. Saiba indicar os melhores produtos para cada tipo de cabelo, entenda sobre a ação de cada um deles, sua composição e sua segurança para os usuários.

Crie um relacionamento com o cliente

Uma das premissas da administração de grandes empresas é que custa mais barato reter um cliente e conquistar vendas recorrentes que tentar conquistar um novo cliente a cada dia. O mesmo vale para profissionais autônomos, que estão em busca do sucesso por meio da venda de cosméticos.

Por isso, crie um relacionamento com seus clientes já conquistados. Você pode fazer um cadastro com o contato desses clientes, seja um salão de beleza ou cliente final, e mantê-los atualizados com conteúdos interessantes.

Você pode avisar sobre promoções, condições especiais e lançamentos, além de enviar dicas úteis para o dia a dia desse consumidor.

A venda de produtos de estética é, sim, um mercado muito lucrativo, que pode garantir sua estabilidade financeira. O começo, no entanto, pode ser mais desafiador, quando não há uma carteira de clientes formada.

Por isso, é essencial se organizar nesse período, fazer um bom planejamento, entender como o mercado funciona e testar diferentes abordagens de venda.

E que tal conhecer uma marca de cosméticos consolidada no mercado, que investe na tecnologia e inovação dos seus produtos? Gostou? Então, entre em contato com a Dvien e saiba mais sobre nossa linha profissional!